Anatel confirma bloqueio de celulares “irregulares” no Brasil

Por Geovanne Quarta-feira, 12 de Julho de 2017

Todo mundo sabe que comprar celular bom no Brasil significa ter que vender um rim. Por isso, muita gente acaba comprando celulares com valores abaixo dos R$ 1.000 todo ano, afinal, eles são feitos para durar um ano mesmo. Por conta desse esquema que acaba sendo caríssimo, muitos brasileiros acabam por adotar uma estratégia melhor para ter um celular com melhor qualidade: importação.

A ascensão dos celulares chineses casa perfeitamente com a procura dos brasileiros por celulares importados. Esses dispositivos têm trazido ao mercado internacional de smartphones, boas opções com excelente custo-benefício, mas todo esse esquema está seriamente ameaçado.

É que a Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) confirmou que passará a bloquear celulares "piratas" no Brasil, ou seja, celulares que não estiverem homologados poderão não mais funcionar em terras tupiniquins. A ação do órgão, envolve uma disputa entre operadoras e fabricantes e ainda é um assunto polêmico.

De acordo com a agência, o bloqueio valerá somente para aparelhos ditos “irregulares”, ou “piratas”. As notificações devem ser enviadas a partir do dia 15 de novembro deste ano. Em nota, a empresa disse que o número de celulares que poderiam ser bloqueados ainda não é conhecido. 

Ainda de acordo com a nota, a proposta prevê que somente serão desligados os aparelhos que forem ativados após o início de envio de mensagens pelas operadoras para os assinantes informando que os celulares são irregulares.

A Anatel sugere ainda que o usuário verifique se o seu aparelho é regular informando o IMEI, um número do terminal móvel.

Comentários